Cabeçalho do site

Barra de acessos extras do site

Barra de acessos extras do site

English Português Español

Área de acessos a todo o site

Página de apresentação de um artigo

Banner do artigo

Conteúdo do artigo

HD SATA – Qual a diferença entre Desktop e Enterprise?

Informações do artigo

  • 42

HD SATA – Qual a diferença entre Desktop e Enterprise? – A escolha do HD certo é tão importante quanto a escolha do Storage. Existem diversas variáveis de devem ser levadas em consideração em um projeto de armazenamento de dados tais como o nível de RAID, Conexão do Storage e tipo de disco. Por hora vamos abordar apenas os tipos de HDs SATA.

Quando se fala em HDs, algumas características devem ser levadas em consideração: Velocidade de Acesso, Espaço de armazenamento, Vida útil e Custo final do armazenamento. Ainda em relação ao custo, algumas variáveis devem ser consideradas:

– Quanto custa a interrupção no fornecimento dos dados em uma eventual parada dos HDs?

– Qual o valor das informações contidas nos discos?

– Qual será o ambiente de trabalho dos HDs?

Cada tipo de tecnologia possui sua característica própria com suas vantagens e desvantagens. Tudo isso deve ser analisado como um todo durante um projeto de storage.

HD SATA – Estes devem ser divididos em duas características: Desktop e Enterprise (serão considerados apenas os Discos de 3.5″ para esta comparação).

    Desktop – São os disco mais comuns, foram projetados para trabalhar em computadores onde o acesso é baixo, o valor de cada informação é muito importante (pois não há uma garantia de que exista uma cópia de segurança), em geral trabalham 8×5 (oito horas por dia e 5 dias por semana) e possuem componentes menos robustos. O que realmente atrai o uso destes discos em Storages é o baixo custo por Gigabyte.

     Enterprise – Os HDDs enterprise são especialmente produzidos para trabalhar 24×7 (24 horas por dia, 7 dias por semana). A fabricação dos HDs é feita com componentes mais robustos para que suporte o trabalho ininterrupto.  O hardware de posicionamento e alinhamento das cabeças de leitura e gravação, Servo, possui um disco adicional específico para este serviço.

O maior diferencial encontra-se na estrutura de remapeamento de setores. Os HDDs hoje têm um integrados a capacidade de reparar setores defeituosos através uma fonte reserva de setores. Este processo de reparação é transparente para o usuário, e não é necessário para que o usuário realize o remapeamento de setor manualmente. No entanto, dado os dois ambientes citados, o remapeamento setor varia muito entre os dois ambientes. Em um disco desktop , o HD vai tentar recuperar os dados e remapear o setor que está danificado, exigindo o máximo de tempo podendo chegar a vários minutos . Durante este processo, o setor de remapeamento, um disco rígido pode expirar e não responder ao controlador do HDD. Devido a isso, um disco rígido pode ser ejetado do controlador, como o Controlador acredita que o HDD está com defeito, uma vez que não está respondendo.

Vejam este documento da Intel que fornece mais detalhes:

http://download.intel.com/support/motherboards/server/sb/enterprise_class_versus_desktop_class_hard_drives_.pdf

Fonte: StorCenter

Menu voltado para os artigos