Cabeçalho do site

Barra de acessos extras do site

Barra de acessos extras do site

English Português Español

Área de acessos a todo o site

Página de apresentação de um artigo

Banner do artigo

Sem Comentários

Conteúdo do artigo

Desconfiado de atividade de login suspeita? Veja o que fazer

Informações do artigo

  • 124
  • Habilitar etapas de proteção, Login suspeita,

Desconfiado de atividade de login suspeita? Veja o que fazer - Canaltech

Mesmo quando tomamos todas as medidas de segurança necessárias, nossos dados na internet podem estar sujeitos a violações. Seja por brechas em aplicativos ou vazamentos, contas de e-mail e redes sociais podem estar vulneráveis a invasores ou atividade suspeitas. Felizmente, empresas como GoogleFacebookInstagram e outras estão atentas aos problemas que podem acontecer e alertam os usuários sobre as medidas necessárias para se proteger.

Ao receber um alerta de que uma de suas contas registrou uma atividade suspeita, não entre em pânico: alguém pode ter tentado entrar em sua conta e não conseguido, o que significa que seus dados estão protegidos. Depois de acalmar a cabeça e respirar fundo, siga as etapas abaixo para garantir que tudo vai continuar funcionando sem problemas.

Entre em suas contas e configure uma nova senha

Assim que receber uma notificação de atividade suspeita, a primeira coisa a fazer é realizar login em sua conta — mas nunca através de links enviados junto a notificações. Muitas vezes, a mensagem de alerta é alerta e pode fazer parte de um golpe de phishing, responsável por realmente comprometer suas credenciais.


Imagem: Reprodução/Microsoft

Depois de fazer login através de um aplicativo mobile ou do site oficial do serviço que aparentemente foi comprometido, investigue se há algo incomum acontecendo. Ao detectar algo incomum, saia imediatamente de sua conta em todos os dispositivos aos quais ela foi associada — no Instagram, isso deve ser feito manualmente em cada um deles, enquanto serviços como o Facebook e o Gmail permitem deslogar de todos os locais ao mesmo tempo.

Em seguida, confira suas configurações e veja se há alguma alteração no endereço de e-mail ou número de telefone registrados. Se isso aconteceu, mude-os de volta e, logo em seguida, configure uma nova senha considerada forte, que mistura caracteres especiais, números e letras maiúsculas e minúsculas — clique aqui para conferir mais dicas. Lembre-se sempre de nunca usar a mesma senha em diversos locais para evitar que todas elas sejam comprometidas por um único vazamento.

Habilite mais etapas de proteção

Depois de configurar uma nova senha, é recomendado adicionar novas camadas de proteção que vão garantir a integridade de sua conta mesmo que a nova combinação seja descoberta. A solução mais acessível e fácil é configurar a autenticação de dois fatores, oferecida como padrão pelos principais serviços e aplicativos.


Imagem: Captura de tela/Felipe Demartini/Canaltech

A tecnologia faz com que você tenha que autorizar qualquer acesso de sua conta em um novo dispositivo, ou até mesmo em todas as vezes em que tenta fazer login. Simples e seguras, essa é uma solução que já está virando parte essencial dos serviços do Google e está disponível em redes como Facebook, Instagram, Twitter e outras — clique aqui para acessar um artigo completo ensinando como configurar a proteção nas principais plataformas atuais.

Faça uma varredura de segurança

Após trocar sua senha e configurar uma proteção em duas etapas, faça uma varredura em busca de ameaças que podem estar comprometendo seus dados. No caso das redes sociais, é uma boa ideia conferir quais aplicativos possuem acesso às suas informações e podem publicar em seu nome, algo que você pode fazer usando os links abaixo:

Muitas vezes, os aplicativos a que damos permissões são vítimas de invasões ou vazamentos e podem ser a porta de entrada para que nossos perfis sejam comprometidos. Isso é especialmente comum em plataformas que deixaram de ganhar suporte e, até mesmo por isso, não faz mais sentido mantermos ligadas a nossas contas.

Além de fazer essa limpa em redes sociais, também é uma boa ideia fazer uma análise de sua máquina ou celular para conferir se ela não está infectada por malwares. Use sempre softwares de empresas confiáveis como Kaspersky, Norton, Bitdefender e Trend Micro (assegurando que eles estão sempre atualizados) para proteger seus aparelhos e deixá-los livres de qualquer tipo de ameaça.

O que pode prejudicar minhas contas?

Com as medidas de segurança acima, você garante a tranquilidade e evita que criminosos tenham acesso a seus dados pessoais e os usem para prejudicar outras pessoas. No entanto, também é preciso ficar atento a notícias do mundo digital, já que nem sempre vazamentos ou invasões são resultados de nossa falta de atenção ou cuidado.

Para manter a segurança de nossas contas, é preciso sempre desconfiar de links suspeitos acompanhados de promessas muito atraentes ou avisos urgentes (os famosos golpes de phishing) e relatos de grandes vazamentos e roubos de sites. Se uma plataforma que você já acessou no passado foi comprometida, é indispensável trocar a senha usada nela o quanto antes, mesmo que não haja relatos de acessos não solicitados.

Embora criminosos sempre procurem novos meios de agir, seguir medidas básicas de segurança garantem que você está protegido contra vazamentos de dados e invasões. Com as configurações certas e o uso de bons softwares de proteção, você garante que suas contas se tornem uma fortaleza e só possam ser acessadas quando permitido

Fonte: Kaspersky.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Menu voltado para os artigos

Vamos conversar pelo whatsapp?