Uma parceria entre pesquisadores do MIT e da Universidade da Califórnia em Berkeley desenvolveu um dispositivo capaz de produzir água potável. A máquina, que por enquanto ainda é um protótipo, é movida a energia solar e usa a umidade do ar para produzir água em regiões extremamente secas.

"No futuro, podemos ter um dispositivo fazendo esse trabalho em casa, usando um ambiente solar para produzir água e que será capaz de satisfazer as necessidades de uma casa. Chamo isso de 'água personalizada'", explica Omar Yaghi, um dos responsáveis pelo projeto.

Apesar de ainda estar no início, o projeto pode ajudar governos e populações de áreas secas ou locais onde o acesso à água potável é difícil.

Fonte: OlharDigital