Cabeçalho do site

Barra de acessos extras do site

Barra de acessos extras do site

English Português Español

Área de acessos a todo o site

Página de apresentação de um artigo

Banner do artigo

Conteúdo do artigo

13 dicas para manter o foco no trabalho

Informações do artigo

  • 30

Nível de atenção varia entre as pessoas, mas a geração Y pode estar em desvantagem com a explosão da internet e do uso de smartphones.

No meio de um texto na internet, outros links chamam a atenção. E, de repente, já foram muitas páginas visitadas e a primeira informação ficou perdida, enquanto o tempo passava. Atualmente, essa é uma situação comum no ambiente de trabalho e, somada a uma grande quantidade de emails, ao telefone que não para e outras várias interações, é fácil perder o foco necessário para cumprir as tarefas diárias.  O nível de atenção varia entre as pessoas, mas a geração Y pode estar em desvantagem com a explosão da internet e do uso de smartphones.

Uma pesquisa americana mostra que 50% dos funcionários entrevistados trabalha apenas por 15 minutos antes de se distraírem, enquanto 53% acredita que perde uma hora ou mais do dia com as interrupções. Além disso, a estrutura cerebral também pode ser responsável pelos passeios da mente. O córtex pré-frontal é a área do cérebro que regula a atenção e lida com nossas emoções, o que faz qualquer sentimento forte, como a frustração com um chefe grosseiro, ser um caso de distração. Ainda assim, o cérebro faz muito esforço para ficar atento e estudos mostram que, por exemplo, quando estamos ouvindo a pessoas chatas, ele nos impede de perder o foco “reescrevendo” o que nos dizem de uma forma que pareça mais interessante para manter nossa atenção.

É possível gerenciar o foco para melhorar o fluxo das tarefas. A revista americana Time listou treze dicas para manter a concentração no ambiente de trabalho.

1) Identificar o problema: o que causa a perda de foco? É a fome, a fadiga ou um vício em redes sociais? Entender o ponto principal é o primeiro passo para resolver a questão.

2) Planejamento: visualizar como será a jornada de trabalho antes de ela começar ajuda a permanecer atento. O estabelecimento de metas, com as tarefas anotadas, pode manter o foco.

3) Um bom café da manhã: estudos comprovam que se alimentar bem na primeira refeição do dia melhora a atenção e a concentração.

4) Meditação: cientistas descobriram que meditação melhora as funções do cérebro ligadas à atenção. Não é má ideia tentar se desligar por um tempo para render mais aos longo do caminho.

5) Trabalhar offline: um levantamento comprova que 60% das interrupções no trabalho vêm de email, redes sociais e celulares. Então, para tarefas que não envolvem a internet, é válido usar os clássicos papel e caneta. Deixar o celular no modo silencioso e checar o email apenas de hora em hora também é importante.

6) Cumprir tarefas menores: alguns psicólogos acreditam que o cérebro trabalha muito para processar uma grande quantidade de informação. Então, tentar organizar o maior projeto da empresa em apenas uma tarde é inútil. O indicado é dividir os projetos em tarefas individuais, que possam ser cumpridas mais facilmente.

7) Cronometrar: trabalhar em um projeto por um tempo pré-determinado é melhor do que fazê-lo até o fim. Dessa maneira, as ideias podem ser renovadas e a paciência não se esgota.

8) Limpar a mesa: bilhetes, recados antigos e fotos podem se tornar uma distração. Deixar a mesa limpa com apenas o necessário pode ajudar a manter o foco.

9) Aplicativos: é possível descartar as distrações com a ajuda da tecnologia. Alguns aplicativos bloqueiam sites ou fazem com que o computador possa abrir apenas um programa por vez. Além disso, ferramentas online calculam quanto tempo foi gasto em determinadas páginas.

10) Recompensa: um pouco de motivação ajuda a seguir em frente. E ela pode partir do próprio funcionário. Prometer-se um prêmio para quando a lista de tarefas acabar é uma saída válida.

11) Cuidar os intervalos: chegar no escritório cedo, trabalhar durante a hora do almoço e ficar depois do expediente não significa, necessariamente, fazer mais. Trabalhar bastante e parar para pequenos intervalos pode ser mais benéfico do que nunca tomar um fôlego, até o cérebro parar de vez.

12) Usar fones de ouvido: algumas empresas adotam a regra de que ninguém pode distrair quem está usando fones de ouvido. É uma forma de mostrar que algo importante está sendo feito e não há tempo para conversas.

13) Cafeína: café ou chá ajudam a manter as pessoas mais alertas e capazes de se concentrar. Além de trazer mais sabor ao trabalho.

Fonte: Pense Empregos

Menu voltado para os artigos